Portal de Angola
Informação ao minuto

Terceira turbina Malembo arranca ainda este mês

Angop

Subestação eléctrica (arquivo) (Foto: José Cachiva)

A terceira turbina da Central Térmica de Malembo, com sistema híbrido gasóleo e gás, entra em funcionamento até final deste mês, juntando-se às outras duas já em operação desde Fevereiro último, anunciou hoje o secretário provincial de energia e águas, Rafael Paca.

Neste momento, decorrem ensaios para o arranque definitivo deste grupo gerador, que permitirá atingir a capacidade instalada de 95 MW.

A potência instalada na central de Malambo é de 95 MW, sendo duas turbinas de 35 megawatts e uma de 25 MW.

A central funciona desde 2012 e permitiu a construção, em 2014, das subestações de Chibodo e Santa Catarina, com 30 e 10 MW, respectivamente, além da turbina móvel no Malembo de 25 MW.

Esta central viabilizou a expansão das redes de alta, média e baixa tensão, nos municípios do interior, incluindo nas comunas como as de Inhunca (Buco-Zau) e Dinge (Cacongo), fruto dos projectos de fornecimento, montagem e comissionamento para a electrificação das circunscrições no Buco-Zau, Belize e Cabinda sede.

Foi construída a linha de alta tensão da Central térmica de Malembo a Buco-Zau, numa extensão de 120 quilómetros, com duas subestações, uma na comuna de Dinge (Cacongo) 10 MVA-60/30 Kv e outra na Vila de Buco-Zau 20 MVA – 60/30 kV.

Quanto aos projectos em curso, Rafael Paca disse existir o de electrificação da cidade de Cabinda, com 30 mil ligações domiciliares, que consiste na construção de linhas de alta tensão, nomeadamente de Sende Matadouro para as subestações de Cabinda, Dinge, Buco-Zau e as linhas de média tensão e baixa tensão, com a conclusão planificada para final do ano em curso.

O sector perspectiva também a interligação de Cabinda com uma subestação da barragem de Inga, na cidade de Matadi, República Democrática do Congo, para beneficiar de 335 MW.

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »