Smiley face

Exército da Síria elimina mais de 270 terroristas do Daesh no sul do país

0 30

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

O Exército da Síria eliminou mais de 270 combatentes do grupo terrorista Daesh na província de As-Suwayda, no sul do país, informou o representante do comando das tropas russas deslocadas na Síria, Oleg Makarevich.

O militar relatou que a ofensiva decorreu em condições climáticas difíceis e em terreno muito acidentado, com cânions profundos, cavernas e declives verticais.

“O inimigo criou nesta área uma defesa de vários níveis, bem preparada, cheia de ciladas antitanque e com franco-atiradores, campos de minas e vias para manobras. Por toda a área, o inimigo tinha armazéns com armas e alimentos”, contou Makarevich.

Segundo ele, a operação também foi dificultada pelo fato de a deslocação de tanques e equipamento pesado ser limitada na área, enquanto os terroristas possuíam muitos lança-granadas, mísseis antitanque e lança-morteiros de 82 milímetros.

Apesar dos obstáculos, os militares sírios conseguiram capturar muitos armamentos, incluindo 12 mísseis antitanque de produção americana TOW.

O militar russo detalhou que a maioria dos combatentes chegara à província de As-Suwaydade do campo de refugiados palestinianos de Yarmouk, de Damasco e da região de Al-Tanf, controlada pela coligação internacional liderada elos EUA.
Anteriormente, foi informado que as tropas governamentais sírias libertaram em 17 de novembro as colinas de al-Safa na província de As-Suwayda, a 92 quilômetros de Damasco, assumindo o controle do último bastião do grupo terrorista Daesh no sul do país.

Segundo a agência síria SANA, durante a ofensiva foi eliminado o líder do grupo terrorista Daesh (proibido na Rússia) no sul da Síria, Hadir al-Shishani.

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Translate »