Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Basquetebol: Incêndio, desaire tunisino e apuramento angolano marcam segundo dia

Em momento de festa, com a confirmação da qualificação de Angola ao Mundial2019, na China, o segundo dia da última fase de apuramento à festa “asiática”, que Luanda acolhe desde sexta-feira, ficou marcado por um incêndio registado num dos placares publicitário, o que levou a uma paragem de aproximadamente trinta minutos no jogo Camarões-Marrocos.

A situação criou algum embaraço, quer para os adeptos, organização quer para os atletas, mas prontamente foi resolvida com a utilização dos extintores colocados no pavilhão do Kilamba, o que vem mais uma vez reforçar a importância destes instrumentos nos recintos desportivos.

Foi apenas um susto, que quase estragava a festa do basquetebol africano. Convívio que não ficou adiado, com a subida em palco dos hendeca-campeões, que precisavam do segundo triunfo para garantirem o passe para a China.

Carlos Morais e companhia levaram o barco a bom porto e com uma exibição exemplar “despacharam” o Tchad por 90-50. Estava garantido o passaporte.

Estava confirmada a oitava presença angolana em mundiais, depois de da estreia em 1986, em Espanha. Seguiu-se Argentina (1990), Canadá (1994), Grécia (1998), EUA (2002), Japão (2006), Turquia (2010) e Espanha (2014).

O intervalo desta partida foi animado pela kudurista Jéssica Pitbull, acompanhada das suas bailarinas, com uma “novidade” entre os dançantes: Toy Limpa Chão, que deu o seu “show” a parte,  como bem habituou os convivas nestas andanças.

O segundo dia foi ainda marcado pela derrota da actual campeã africana Tunísia frente ao Egipto, por 64-73.

Os pupilos de Mário Palma não souberam aproveitar o estatuto de campeões africanos e líderes do grupo E nesta fase de apuramento e foram derrotados após prolongamento, marcando a surpresa do dia.

Quem não defraudou foi os Camarões que suplantou Marrocos por 63-57, no tal jogo do susto do incêndio.   (Angop)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »