- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Angola Regiões Desactivados mais de 100 mercados de ocasião em Luanda

Desactivados mais de 100 mercados de ocasião em Luanda

Mais de 150 mercados de ocasião e pontos de venda informal, cinco pontos de garimpo de água potável, a partir das condutas da EPA, foram desactivados, nas últimas semanas, em Luanda, pelas equipas multi-sectoriais distribuídas pelos municípios, distritos urbanos e comunas.

Segundo um comunicado, do Gabinete de Comunicação Institucional e Imprensa do Governo da Província de Luanda, distribuído hoje, sexta-feira, à Angop, foram também encerrados 28 postos de venda de medicamentos, duas farmácias, e quatro lojas por exercício ilegal de actividade comercial.

“Foram igualmente emitidas mais de 400 notificações e aplicadas 250 multas, bem como apreendidos, durante as operações inspectivas, diversos meios e bens de proveniência duvidosa e por desobediência dos seus utentes”, refere o comunicado.

Quanto aos meios e bens apreendidos apela-se aos legítimos proprietários para a devida reclamação junto aos Serviços de Fiscalização das respectivas áreas de actuação, fazendo-se acompanhar, entretanto, dos documentos que provam a sua titularidade, nos prazos legalmente estabelecidos, caso contrário o GPL dará o destino previsto na Lei.

No âmbito da implementação da Operação Resgate, prossegue a nota, esteve reunido, no GPL, o Comando Operacional para o balanço das acções tendentes à reposição da ordem pública e ao combate ao comportamento delituosos.

Assim, das diversas actividades realizadas, nas últimas semanas, pelas equipas multi-sectoriais destaca-se a inspecção a mais de 800 estabelecimentos comerciais entre lojas, cantinas e farmácias, bem como para as visitas a cerca de 200 focos de venda desordenada e a mercados municipais.

O GPL alerta a população e aos automobilistas que, nos termos da legislação em vigor e das posturas municipais, irá continuar a tomar medidas duras e aplicará multas a todos os que insistirem em adquirir bens na via pública e estas sanções serão extensivas aos passageiros dos respectivos veículos.

Finalmente, o Governo Provincial de Luanda agradece a todos quanto têm colaborado quer com a Polícia Nacional quer com os inspectores e funcionários públicos em exercício de funções de inspecção, assim como a todos quanto têm denunciado irregularidades proporcionais e com informações valiosas aos agentes do Estado. (Angop)

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.