- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Angola Sociedade Tradição presente nas festas da Ilha de Luanda

Tradição presente nas festas da Ilha de Luanda

Nativos da Ilha de Luanda, no distrito urbano da Ingombota, realçaram ser fundamental a transmissão de valores tradicionais na vida da juventude.

Este desejo foi transmitido, momentos depois da realização da procissão marítima hoje, sábado, na Baía da Ilha, no âmbito do programa do 39ª aniversário das festas da circunscrição, que decorre durante este final de semana.

Para a anciã Maria Madalena, de 80 anos, é fundamental a passagem desses valores tradicionais, particularmente nesta fase em que a juventude desconhece a importância e o papel da cultura nas suas vidas.

Para o presidente da comissão de moradores da Ilha de Luanda, Afonso Manuel, “os jovens ilhéus hoje só se preocupam com as suas origens e os valores ligados a ela durante as épocas festivas, em que seguem alguns princípios.

Por sua vez, o administrador local, Paulo Neto, disse ser urgente dar-se outro alento aos valores nacionais, em geral, e aos de cada região, em particular”.

A noite de hoje está reservada para bailes.

O certame foi aberto na sexta-feira com um corte de fita, exibição do grupo carnavalesco União Mundo da Ilha, abertura de um torneio de futebol de praia e a deposição de uma cora de flores na estátua da peixeira.

Para domingo, o ponto mas alto vai para a realização de uma missa a ser celebrada na Igreja Católica local e a final de um torneio de futebol de praia.

A Ilha do Cabo, também conhecida por Ilha de Luanda, é um cordão litoral composto por uma estreita língua de terra com sete quilómetros de comprimento que, separando a cidade de Luanda do Oceano Atlântico, cria a Baía de Luanda.

É por excelência o local de divertimento e lazer dos luandenses, podendo encontrar-se no bairro uma grande variedade de equipamentos turísticos, desde os bares aos restaurantes junto ao mar e das discotecas aos hotéis, sem esquecer os mercados de rua, as inevitáveis praias e a marina.

Na localidade está localizada a Igreja da Nossa Senhora do Cabo, a mais antiga de Angola, fundada em 1575 pelos quarenta portugueses que viviam na ilha antes da mudança da cidade de Luanda para o continente, feita por Paulo Dias de Novais.

A Ilha de Luanda, que é habitada por cerca de dez mil pessoas, faz parte do Distrito Urbano da Ingombota, província de Luanda. (Angop)

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.