Portal de Angola
Informação ao minuto

Ana Gomes promete ajudar Angola a recuperar dinheiro desviado para o exterior

Ana Gomes (DR)

Eurodeputada quer que Angola e Portugal discutam a corrupção

A 24 horas do início da visita do Presidente angolano João Lourenço a Portugal, a eurodeputada portuguesa, Ana Gomes, diz estar disposta a ajudar Luanda a recuperar o dinheiro que considera ter sido roubado do país.

Em entrevista exclusiva à VOA, Gomes aponta temas que, no entender dela, devem ser os assuntos em pauta da visita de Lourenço.

“Questões sobre a corrupção que aflige Angola e que não são desligáveis dos casos de corrupção em Portugal, nós temos que trabalhar juntos com os que em Angola se batem contra o mal, eu, como eurodeputada e amanhã na sociedade civil, quero trabalhar nisso com aqueles que em Angola lutam por uma sociedade democrática, transparente, que presta conta”, afirma.

Quanto ao caso que envolve o antigo vice-Presidente Manuel Vicente na justiça portuguesa, Ana Gomes diz que está ligado “a esquemas de corrupção que ligam Angola e Portugal, esquemas do BES e do BESA que não estão deslindados, nem as responsabilidades apuradas, nem em Angola nem em Portugal”.

Para ela, “aqui está uma matéria em que podemos trabalhar juntos para apurar os responsáveis, para se recuperar avultados activos que foram desviados de Angola e também em Portugal”, lembrando que ela foi sempre contra o envio do processo Manuel Vicente para Angola por parte da justiça portuguesa.

A deputada socialista europeia assegura que não vai se calar enquanto houver situações nefastas tanto em Portugal como em África, particularmente em Angola.

“Os portugueses e os africanos que sofreram tanto para se libertar do colonialismo, não o fizeram para depois serem oprimidos e espoliados pelos seus próprios compatriotas no poder, eu sempre apoiei o MPLA mas quando comecei a ver o MPLA a servir-se e a justificar o que dizia ser acumulação primitiva do capital obviamente eu tinha que falar e falarei sempre”, conclui Ana Gomes, que visitou Luanda recentemente. (VOA)

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »