- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Mundo Ásia Londres: Advogada queria mais vinho e acabou detida depois de ofensas racistas...

Londres: Advogada queria mais vinho e acabou detida depois de ofensas racistas num voo da Air India: “Eu trabalho para a vossa gente”

Um porta-voz da polícia londrina informou que uma mulher de 50 anos foi detida, pelas 13h30 de sábado. “Foi detida por suspeitas de desordem pública racista e agressão”. Alguns passageiros confirmaram a jornais ingleses o estado de embriaguez da irlandesa.

Simone O’Broin seguia no voo da Air India, que ligava Mumbai a Londres, quando exigiu mais um copo de vinho. A tripulação rejeitou servir aquela passageira. Depois, começou o descontrolo. Gritos e ofensas racistas em direção à tripulação. A mulher, uma advogada internacional de Direitos Humanos, foi detida no aeroporto de Heathrow, conta o “The Telegraph”.

Alguns vídeos de O’Broin, de 50 anos, estão a circular nas redes sociais. A irlandesa, aparentemente embriagada, foi ofensiva com a tripulação da Air India: “Eu trabalho para a vossa merda de gente. (…) A merda dos Rohingyas, a merda das pessoas de toda a Ásia, para vocês. Eu sou uma advogada criminal internacional”.

E continuou: “E não recebo dinheiro por isso, já agora. Mas vocês não me dão a merda de um copo de vinho, isso é correto?”. Aquela tempestade emocional desaguou, essencialmente, na direção de um homem da tripulação, que permaneceu sereno e em silêncio.

Um porta-voz da polícia comunicou mais tarde que uma mulher de 50 anos havia sido detida, pelas 13h30 de sábado. “Foi detida por suspeitas de desordem pública racista e agressão”. Alguns passageiros confirmaram a jornais ingleses o estado de embriaguez da irlandesa.

De acordo com o “Daily Mail”, O’Broin nasceu em Belfast e estudou Direito em Inglaterra. A advogada trabalhou vários anos na Palestina. (Expresso)

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.