Portal de Angola
Informação ao minuto

Partidos cabo-verdianos não se entendem sobre confronto físico entre dois deputados

Os envolvidos Moisés Borges(esq) e Emanuel Barbosa (dir) (DR)

MpD promete afastar deputado da minoria das funções no Parlamento e PAICV pede comissão para investigar o ocorrido

Cinco dias após dois deputados cabo-verdianos terem entrado em confronto físico num dos corredores da Assembleia Nacional, as duas bancadas, MpD, no poder, e PAICV, na oposição, mantêm posições contrárias.

A bancada parlamentar do MPD anunciou que pretende destituir o deputado Moisés Borges, do PAICV, das funções que ocupa no Parlamento, por entender que ele cometeu um acto grave ao agredir o deputado Emanuel Barbosa.

A decisão foi anunciada por Rui Figueiredo Soarres, líder da bancada maioritária.

Em resposta, o PAICV considera a intenção anunciada de precipitada, porque não se deve condenar ninguém sem o apuramento exacto dos factos.

Por isso, Rui Semedo, líder da minoria, pede a criação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito para apurar o eu terá passado.

A UCID, terceiro partido com assento parlamentar, não concorda com a posição do partido maioritário por não constituir o melhor caminho para a normalização da situação.

O deputado João Luís diz que os factos devem ser apurados primeiramente, para depois se punir os culpados.

Os deputados cabo-verdianos Emanuel Barbosa e Moisés Borges envolveram-se numa briga na sede da Assembleia Nacional no dia 9, tendo Barbosa ficado ferido e levado ao hospital.

O presidente do Parlamento, Jorge Santos, chamou a polícia para repor a ordem e deve fazer um pronunciamento dentro de momentos.

Fontes da VOA na Praia indicaram que os dois parlamentares chegaram a vias de facto num dos corredores da Assembleia Nacional quando se dirigiam para participar numa reunião, tendo a briga sido presenciada por uma deputada do MpD. (VOA)

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »