Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Estudo indica que excisões e mutilações sexuais estão a diminuir em África

As excisões e mutilações genitais, ainda largamente praticadas em África, reduziram-se “significativamente” entre as raparigas até aos 14 anos graças às campanhas de sensibilização, apesar das disparidades entre países, segundo Estudo indica que excisões e mutilações sexuais estão a diminuir em África

O estudo, feito a partir de dados da Unicef, fala de uma redução “encorajante” das práticas de mutilação genital no leste de África (-7,3% por ano entre 1995 e 2014).

No entanto, o ritmo de declínio destas práticas é mais lento no norte de África (-4,4% por ano entre 1990 e 2015) bem como no oeste do continente (-3% por ano entre 1996 e 2017).

Já no Médio Oriente, estas práticas aumentaram (+13,7% entre 1997 e 2013, sobretudo tendo em conta dados de dois países – Iraque e Iémen.

Segundo as estimativas da Unicef (Fundo das Nações Unidas para a Infância), 200 milhões de crianças no mundo foram sujeitas às mutilações sexuais.

Os números disponíveis mostram que estas práticas são particularmente preocupantes em África e nos países do Médio Oriente, destacando-se Iraque e Iémen.

O estudo indica também a existência destas práticas na Índia, Indonésia, Israel, Malásia, Tailândia e Emirados Árabes Unidos. Os efeitos das migrações neste tipo de práticas em regiões como Europa e América do Norte e do Sul não foram abrangidos.

Por ano, mais de três milhões de raparigas por ano em África correm o risco de serem sujeitas à mutilação genital. (Sapo 24)

por Lusa

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »