Portal de Angola
Informação ao minuto

17 corpos de imigrantes encontrados na costa de Espanha

(© AP Photo / Emilio Morenatti)

A Sociedade Espanhola de Segurança Marítima e Resgate (SASEMAR) afirmou, ao lado da Guarda Civil Espanhola, na segunda-feira (5), que recuperou o corpo de 17 pessoas que se afogaram no mar de Alborán. Os corpos foram encontrados na parte mais a leste do mar Mediterrâneo.

“Guardamar Polyhymnia [barco de resgato]: 80 pessoas foram salvas com vida e 13 pessoas mortas […]. No naufrágio em #CañosdeMeca, a @guardiacivil recuperou 4 corpos e salvou 22 homens”, afirmou a SASEMAR no Twitter.

Corpos de quatro imigrantes mortos foram descobertos pela Guarda Civil na província de Cadiz na comunidade autónoma de Andalusia, acrescentou.

De acordo com a Organização Internacional de Migração, a Espanha atualmente tem o maior número de chegada de imigrantes através do mar. O número chega a 47,5 imigrantes apenas este ano. Até o dia 2 de novembro, 567 pessoas morreram a caminho do país.

Mais de 98 mil imigrantes chegaram à Europa através do mar em 2018, enquanto pelo menos duas mil pessoas morreram ou desapareceram neste trajeto.

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »