- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Mundo Europa Detido jovem de 16 anos que abusou sexualmente de seis idosas

Detido jovem de 16 anos que abusou sexualmente de seis idosas

A polícia espanhola deteve um jovem de 16 anos que terá abusado sexualmente de seis mulheres octogenárias em Olot, Girona. A vítima mais velha tinha 88 anos.

Entre 7 de agosto e 10 de outubro, o jovem terá agredido sexualmente uma das idosas e abusado de outras cinco. Segundo a imprensa espanhola, o agressor abordava as mulheres na rua quando escurecia, encurralava-as contra uma parede, batia-lhes e obrigava-as a observá-lo enquanto se masturbava.

Na primeira queixa, uma mulher – que segundo fontes próximas à investigação teria sido prostituta anos antes – denunciou que, a princípio, seria um encontro sexual consensual, mas que a dado momento ela se recusou a continuar e o jovem a forçou.

A unidade de investigação da polícia Mossos d’Esquadra de Olot iniciou a busca do suspeito com os dados fornecidos pela alegada vítima. A 29 de agosto, outra mulher relatou que um menor se tinha aproximado dela na rua.

Durante o mês de setembro ocorreram três novos casos. Todas as vítimas, com mais de 60 anos, relataram que um jovem se aproximou delas ao fim da tarde e descreveram os mesmos abusos que as vítimas anteriores.

Os detalhes dados pelas vítimas e as semelhanças nas características do alegado agressor levaram a que as autoridades suspeitassem que se tratava do mesmo indivíduo. A polícia montou uma operação para identificá-lo e prendê-lo.

Em outubro, mais um caso de abuso sexual. Os elementos da Área de Investigação Criminal (AIC) de Girona assumiram a investigação e detiveram na sexta-feira o suspeito no meio de uma rua em Olot, como alegado autor de seis crimes contra a liberdade sexual, uma agressão sexual e cinco de abuso. (Jornal de Notícias)

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.