Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Epidemia de Ébola na RDC provocou 181 mortos desde Agosto

A epidemia de ébola no leste da República Democrática do Congo (RDCongo) provocou 181 mortos desde que foi declarada em 01 de agosto deste ano até à passada quinta-feira, segundo registos da Organização Mundial de Saúde (OMS).

Na anterior atualização, em 28 de outubro, a OMS, em articulação com o Ministério da Saúde da RDCongo, 174 pessoas morreram em consequência do contágio, a maioria nas províncias de Norte Kivu e Ituri.

Os registos mantêm a tendência de crescimento das mortes em consequência do ébola na RDCongo, com predominância na faixa etárias dos 35 aos 44 anos nos homens e dos 15 aos 24 nas mulheres.

Em 07 de outubro, a estatística foi de 115 mortos, enquanto em 15 do mesmo mês o número reportado aumentou para 139 e para 155 uma semana depois.

Até à passada quinta-feira, o número de casos de contaminação com o vírus ébola aumentou também, fixando-se em 287, dos quais 252 confirmados e 35 prováveis.

Esta epidemia foi constatada em Mangina, nas províncias de Norte-Kivu e Ituri, alastrando até perto da fronteira com o Uganda, em Beni, região do grupo armado ADF, que multiplicou os ataques contra civis, o que complicou a resposta sanitária.

Nos últimos meses, a ONU inquietou-se com o risco de propagação da epidemia a Burundi, Uganda, Ruanda e Sudão do Sul e resolução do Conselho de Segurança apelou na semana passada a estes países africanos para reforçarem as capacidades operacionais para lutar contra a doença, em total cooperação com a OMS.

A RDCongo foi atingida nove vezes pela ébola, depois da primeira aparição em 1976 do vírus, que se transmite por contacto físico através de fluidos corporais infetados e que provoca febre hemorrágica. (Notícias ao Minuto)

por Lusa

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »