Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Angolano integra comité da ONU para questões orçamentais

A Assembleia Geral das Nações Unidas elegeu, esta sexta-feira, em Nova Iorque, o diplomata angolano Makiese Kinkela Augusto para integrar o Comité Consultivo para as Questões Administrativas e Orçamentais (CCQAB ou ACABQ) para o período 2019-2021.

Diplomata de carreira do Ministério das Relações Exteriores, há 17 anos, o conselheiro Makiese Kinkela Augusto teve uma passagem pela Missão Permanente de Angola como diplomata e trabalhou nos Escritórios do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Direitos Humanos em Genebra.

É a primeira vez que um diplomata angolano e dos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (PALOP) é eleito para o referido órgão, nos 73 anos da Assembleia Geral das Nações Unidas.

A eleição aconteceu à margem dos trabalhos da 73ª sessão da Assembleia Geral, a decorrer naquela cidade norte-americana até 30 de Dezembro deste ano.

O Comité Consultivo para as Questões Administrativas e Orçamentais é um órgão subsidiário da Assembleia Geral das Nações Unidas, criado pela Resolução 14 (1), de 13 de Fevereiro de 1946.

Tem a missão de escrutinar e supervisionar a proposta de Orçamento Geral das Nações Unidas submetida pelo secretário-geral, antes de ser apresentada à Assembleia Geral.

É também sua missão emitir recomendações e pareceres sobre os programas de orçamentos do Secretariado das Nações Unidas, dos programas, dos fundos, das agências especializadas e internacionais afiliadas no sistema da ONU e sobre qualquer decisão relacionada com questões administrativas, financeiras e orçamentais.

O comité é composto por 16 peritos de competência reconhecida e comprovada no domínio das questões relativas ao sistema multilateral, em particular das questões administrativas e orçamentais das Nações Unidas, bem como no domínio dos procedimentos e mecanismos de decisões políticas e diplomáticos do sistema da ONU. (Angop)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »