Smiley face

Seguradoras aplicam AKz 146 mil milhões em investimento

0 21

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

As seguradoras e sociedades gestoras de fundos de pensões investiram, no ano transacto, 146 mil milhões, 499 milhões, 444 mil e 214 kwanzas (equivalente a 882 milhões, 531 mil e 582 dólares norte-americanos), no âmbito da dispersão da carteira de risco.

A nível da estrutura da carteira de investimento, a maior concentração dos investimentos deu lugar aos depósitos em instituições de crédito, no valor de 59 mil milhões, 588 milhões, 762 mil e 797 kwanzas, estando na ordem dos 40,68%.

De acordo com dados avançados nesta quinta-feira, em Luanda, no 3º Fórum Seguros “ Resseguro e Co-Seguro”, uma iniciativa do Jornal Expansão, 36,71% , num valor de 53 mil milhões, 782 milhões, 598 mil e 130 kwanzas foram investidos em imóveis.

Sem dados comparativos com o período homologo (2016), as seguradoras investiram também em títulos de rendimentos variáveis e fixos, depósitos junto de empresas cedentes.

Actualmente, a quota de mercado das seguradoras é liderada pela Ensa-Seguros de Angola ( 38%) Saham (15,49%), Fidelidade (11,7%), Nossa (8,35%), Global Seguros (7,57%) , Bonws (3,6%), entre outros.

O documento apresentando pelo da direcção de Supervisão e Inspecção da Arseg, Silvano Pinto Adriano, também faz menção do mercado dos fundos de pensões, que conta actualmente com oito entidades que gerem 31 fundos entre abertos e fechados.

Em 2017, as contribuições deram em 710 milhões, 344 mil e 452 mil kwanzas em fundos abertos e quatro mil milhões, 258 milhões, 804 mil e 118 kwanzas em fechados.

O 3º fórum seguro promovido pelo Jornal Expansão “O Resseguro e o Co-Seguro” serviu para identificar as principais tendências do sector para apontar caminhos e sugerir medidas de política e acções com o objectivo de contribuir para a afirmação em Angola de companhias seguradoras sólidas para mitigar riscos e contribuir para financiar a economia, ajudando à criação de emprego e geração de riqueza. (Angop)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Translate »