Portal de Angola
Informação ao minuto

Médicos dizem que situação clínica permite que Bolsonaro entre em debates

(© Reuters)

Candidato de extrema-direita tem rejeitado debater com Fernando Haddad, invocando o seu estado de saúde. Médicos dizem que participação em debates apenas depende do próprio candidato, uma vez que a situação clínica está estável.

O candidato do PSL às presidenciais no Brasil, Jair Bolsonaro, apresenta uma “boa evolução clínica” e não existem motivos de saúde para que não possa participar em debates eleitorais.

Quem o diz são os médicos do hospital Albert Einstein, depois de terem examinado o candidato de extrema-direita que tem invocado as suas condições de saúde para não participar em debates com Fernando Haddad.

Em setembro, recorde-se, Bolsonaro foi esfaqueado durante uma ação de campanha, tendo sido operado por duas vezes na sequência do incidente.

Em declarações à Globo, os médios Antonio Luiz Macedo e Leandro Echenique disseram que a presença de Bolsonaro em debates apenas depende da vontade do próprio candidato, uma vez que a situação é estável, apesar de Bolsonaro necessitar de suporte nutricional e de fisioterapia.

Apesar de recusar debater com o seu oponente nas eleições, Bolsonaro tem dado várias entrevistas, o que tem gerado múltiplas críticas. Haddad chegou mesmo a dizer que estaria disposto em ir “até na enfermaria” para debater com o candidato da extrema-direita. (Notícias ao Minuto)

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »