Smiley face

Mourinho arrisca falhar regresso a Stamford Bridge, mas há volta a dar

0 45

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Treinador do Manchester United é acusado de “conduta imprópria” e “discurso desrespeitoso” pela FA.

A Federação inglesa (FA) colocou, esta terça-feira, José Mourinho sob alçada disciplinar, fruto das palavras que dirigiu às câmaras após o triunfo sobre o Newcastle, por 3-2.

O organismo acusa o treinador do Manchester United de “conduta imprópria” e “discurso desrespeitoso”, infracções que lhe podem valer desde uma simples multa ao afastamento de, pelo menos, uma partida oficial.

A confirmar-se, o português iria falhar o regresso a Stamford Bridge, onde irá defrontar o Chelsea, equipa que orientou por duas vezes ao longo da carreira. No entanto, escreve o jornal britânico The Times, há uma maneira de contornar essa possibilidade.

Mourinho tem até às 18h (hora de Portugal Continental) da próxima sexta-feira, para aceitar a acusação ou para a contestar. E, caso opte por contestar e o faça nas últimas horas deste prazo, a comissão eleita para tratar do caso não teria tempo suficiente para a analisar antes da nona jornada da Premier League.

Assim sendo, qualquer decisão ficaria adiada até ao início da próxima semana, pelo que o treinador do Manchester United poderia sentar-se no banco no sábado. (Notícias ao Minuto)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Translate »