Smiley face

Fuga à paternidade preocupa estudantes universitários em Viana

0 38

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Jovens filiados ao Núcleo Universitário do Município de Viana, em Luanda, manifestaram-se preocupados com o índice da fuga à paternidade que se têm vindo a registar nesta localidade.

Em declarações à Angop, no final da conferência municipal realizada no auditório da Casa da Juventude, o coordenador do referido núcleo, Manuel Muate, disse que o objectivo desta actividade surge para despertar a consciência sobre a responsabilidade dos ‘’jovens-pais’’, bem como apoiar a administração de Viana na elaboração de programas que visam reduzir às práticas da fuga a paternidade e maternidade.

Sob o lema “ A responsabilidade da maternidade e da paternidade no seio da juventude, o responsável chamou atenção a juventude a assumir os seus encargos, quer seja paternal ou maternal, com vista a garantir uma educação segura aos filhos.

Prometeu a sua instituição continuar a prestar o apoio pedagógico aos jovens, de forma a se manter firme no compromisso que pretendem assumir.

Enquanto isso, a representante do Ministério da Acção Social, Família e Promoção da Mulher, Suzana Simão, disse que durante o encontro que uma criança ao crescer no seio de uma família estruturada apresenta melhores condições sociais.

Participaram da conferência, o administrador adjunto de Viana para a área Técnica, Fernando Binje, representantes dos vários sectores do município e estudantes.

O município de Viana, que dista a 20 quilómetros do centro da cidade capital ,é composto por seis Distritos Urbanos:Vila Flor, Zango, Baia, Kicuxi, Estalagem (município sede), para além da comuna de Calumbo. (Angop)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Translate »