Portal de Angola
Informação ao minuto

Vítimas de abuso sexual por religiosos protestam junto ao Vaticano

(© Reuters)

Dezenas de pessoas, muitas das quais vítimas de abusos sexuais por parte de religiosos, protestaram hoje junto ao Vaticano e acusaram o governo italiano de não controlar as autoridades eclesiásticas que ocultaram casos de este tipo.

Convocados pela associação ‘Rete l’Abuso’ (Rede de Abusados), os manifestantes juntaram-se perto do Castelo de Sant’Angelo, a poucos metros da Praça de San Pedro, com cartazes alusivos, como “Romper o muro do silêncio do Vaticano” ou “Basta de desculpas, basta de perdão”.

A associação pretende que seja o governo italiano, e não a igreja católica, a gerirem o escândalo dos abusos sexuais, porque de outro modo receiam que não sejam julgados, mas escondidos.

A manifestação acontece no primeiro dia do Sínodo que até 28 de Outubro reúne no Vaticano 267 bispos católicos de todo o mundo em assembleia que tem o tema ‘Os jovens, a fé e o discernimento vocacional’. (Notícias ao Minuto)

por Lusa

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »