Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Está sempre com gases? Eis nove possíveis razões

Conhecer o problema é a melhor forma de o contornar. Bastam umas pequenas mudanças.

Ter flatulência em público é o pesadelo de qualquer um, mas há quem não consiga evitá-lo em determinadas situações. Na verdade, nenhum de nós o consegue evitar: a ciência garante que o ser humano solta gás cerca de 13 vezes por dia, sendo que a maioria o faz durante a noite e alguns dos quais nem têm cheiro nem nada a ver com a digestão.

Para quem a frequência é maior do que a média dita normal e não se consegue controlar, como a maioria, o motivo, é claro, está nos seus hábitos do dia a dia.

Beber por uma palhinha, por exemplo, é dos hábitos que mais comummente se sabe ser causador de gases e o motivo é simples: está a ‘ingerir’ também ar, além do líquido que bebe através da palhinha. O que poucos sabem é que a mesma justificação serve para apontar os cigarros como igualmente maus para o aumento de gases. Também o mascar pastilha elástica é um hábito semelhante, pela ingestão de mais oxigénio do que é suposto, o mesmo acontece com o beber directamente pela garrafa.

Relativamente àquilo que come propriamente, são as fibras em excesso que podem originar mais gases. Brócolos, couve flor ou couve lombarda são alguns exemplos – não queira fazer uma refeição à base destes vegetais, até porque não seria nutricionalmente completo. Caso siga uma má rotina alimentar e passe a incorporar tais alimentos – o que deve fazer – garante que a alteração é feita de forma gradual e que garante que se mantém sempre hidratado.

Outro alimento desaconselhado neste aspecto são os produtos com corantes artificiais, como doces ou sumo. Tal componente pode conter sorbitol, acessulfame de potássio ou aspartame, que propiciam em muito o aumento de gás.

A par destes alimentos, qualquer produto a que se seja intolerante pode ser respondido pelo corpo com gases, já que este é um sintoma de stress gastrointestinal. Por fim, independentemente do que come, coma devagar, pois quando se tem pressa e come demasiado rápido, o seu almoço estará repleto de ar, além da comida propriamente dita.

Os medicamentos podem também ser os causadores de gás em excesso, já que deixam a boca seca, o que obriga a que o organismo procure mais oxigénio e consuma mais ar. (Notícias ao Minuto)

por Mariana Botelho

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »