Portal de Angola
Informação ao minuto

Polícia holandesa frustra atentado terrorista

(ANP/AFP / Robin Utrecht) Policiais conduzem uma investigação na residência de um suposto jihadista em Roterdã em 27 de setembro de 2018

As forças de segurança da Holanda detiveram sete suspeitos de planear um “grande atentado terrorista” no país com cinturões de explosivos e armas de assalto AK-47, informou o Ministério Público nesta quinta-feira.

Os detidos planeavam “causar numerosas vítimas” e o plano estava numa “fase muito avançada”, explicou a instituição.

Durante uma investigação que durou vários meses, a polícia observou um grupo de pessoas ligadas a um iraquiano de 34 anos condenado em 2017 por tentar entrar em território controlado pelo grupo Estado Islâmico.

“O Ministério Público e a polícia estão convencidos de que frustraram um ataque terrorista com a prisão dos suspeitos” no final desta tarde em Arnhem (leste) e Weert (sul).

Os detidos, originários das regiões de Arnhem e Roterdão, têm entre 21 e 34 anos, incluindo dois já condenados por tentarem viajar para zonas jihadistas no Iraque e na Síria.

“Um dos homens de Arnhem queria atacar com um grupo durante um grande evento na Holanda e causar numerosas vítimas, segundo os serviços de inteligência holandeses”, informou o Ministério Público.

Os suspeitos, que foram levados a um tribunal de Roterdão nesta sexta-feira, planeavam realizar um atentado “com cinturões de explosivos e Kalashnikovs durante um evento e explodir um carro-bomba em outro local”.

A investigação ainda não permitiu determinar qual era o seu objetivo exato. (AFP)

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »