Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Apresentado projecto de construção de Mausoléu para Simão Toco

A Igreja de Nosso Senhor Jesus Cristo no Mundo (Tocoista) apresentou, nesta sexta-feira, em Luanda, um projecto de construção de um mausoléu dedicado ao Profeta Simão Gonçalves Toco, em Ntaya, Maquela do Zombo (Uíge).

O acto, que decorreu no Centro de Convenções de Talatona, na capital do país, contou com a presença de diversas entidades políticas, religiosas, da sociedade civil e fiéis da Igreja Tocoista.

O mausoléu ao profeta Simão Toco terá cerca de 60 metros de altura e um diâmetro de mais de 100 metros, compreendendo vários compartimentos, onde o túmulo de Simão Toco e sua esposa Rosa Toco deverão ficar no centro.

Ao intervir na cerimónia, o líder da Igreja Tocoista, Bispo Afonso Nunes, afirmou que o projecto visa contribuir para o incentivo do turismo religioso com um lugar de referência, tanto para angolanos como para estrangeiros.

Referiu que espera que o mausoléu, cuja primeira pedra será lançada em Fevereiro de 2019, venha a ser um monumento importante para o país, pois vai enriquecer o mosaico cultural e religioso de Angola, bem como dignificar o homem angolano em particular e o africano em geral.

Considerou o projecto moderno e funcional, que irá incentivar o turismo religioso no país. O mesmo deve contribuir com elementos importante e neste caso com este símbolo que vai homenagear aquele que por muitos foi chamado de nacionalista, por outros profeta ou precursor da liberdade.

“ Todos esses atributos só manterão o seu valor caso se faça algo que dignifique o local onde o seu corpo foi depositado”, sustentou.

Entretanto, a secretária do presidente da República para os assuntos sociais, Fátima Viegas, afirmou que o mausoléu é um espaço que dignifica o profeta Simão Toco e vai permitir qualquer cristão, cientista ou historiador na área de ciências sociais poder estudar o percurso histórico da vida desse profeta.

Para Fátima Viegas, esta iniciativa é brilhante, pois homenageia o profeta Simão Toco e a mesma não se subscreve apenas em Angola, mas transcende a nível mundial.

O mausoléu, a ser erguido em Ntaya Maquela do Zombo, pela sua amplitude arquitectónica não é simplesmente uma obra para os tocoistas, mas é um “monumento para o pais que trará valor acrescentado ao património cultural e religioso de Angola”.

Simão Toco ultrapassou a dimensão de um simples nacionalista ou profeta, transformando-se assim num verdadeiro fenómeno e ícone de estudos em várias universidades do mundo. (Angop)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »