Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Namibe tem 79 pontos turísticos cadastrados

Setenta e nove pontos turísticos estão catalogados, neste momento, a nível da província do Namibe, frequentados semanalmente por mais de uma dezena de turistas nacionais e estrangeiros, sem que haja uma contribuição por partes deste em termos de receitas.

Para inverter tal situação, o governo local está a trabalhar em parceria com o sector do turismo, criando politicas que visam o maior controlo para obtenção de receitas decorrentes do uso dos locais.

Esta informação foi dada hoje pelo governador da província do Namibe, Carlos da Rocha Cruz, quando falava na abertura do acto central do fórum regional do turismo, que decorre na cidade de Moçâmedes sob o lema “ Turismo e transformação digital”, no âmbito do Dia Mundial do Turismo que hoje se assinala.

Apontou a necessidade das quatro províncias da região contribuírem para a divulgação dos seus locais turísticos, dando como exemplo os vários roteiros turísticos que a província dispõem, como deserto, mar, weliwítschia mirabilis, as colinas dos espíritos, a lagoa do Arco, pinturas rupestres e gravuras tchitundu-hulu , águas quentes do pediva, entre outros pontos que precisam de ser mais explorados e divulgados.

Carlos da Rocha Cruz apontou ainda alguns constrangimentos para o acesso a estes roteiros, como melhoria das estradas, comunicações, infraestruturas básicas ( posto de saúde, lojas comerciais, designação dos locais com nomes originais da região, e a sua conservação.

“ Esperamos que este fórum sirva de matéria de reflexão para a região, porque independentemente da especificidade de cada província, a maior parte dos problemas são comuns”, augurou.

Exortou ainda à população do Namibe, em particular, aos académicos e estudantes, empresários e empreendedores, a aderirem aos diversos ramos que o turismo oferece, pois este possui uma diversidade e fortes áreas de actuação que permitem alcançar metas em pouco tempo.

O fórum, que conta com a participação de representantes das províncias do Namibe, Huíla, Cunene e Cuando Cubango, vai analisar temas como Turismo regional, conservação dos parques nacionais e áreas de conservação, turismo étnico e cultural, legislação sobre o visto de turismo nas fronteiras, entre outros. (Angop)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »