Radio Calema
InicioCiências e TecnologiaTensão com Facebook na origem da saída dos fundadores do Instagram

Tensão com Facebook na origem da saída dos fundadores do Instagram

A tecnológica de Mark Zuckerberg adquiriu o Instagram em 2012, prometendo proteger a autonomia da rede social.

Os fundadores do Instagram, Kevin Systrom e Mike Krieger, estão de partida do Facebook e, ainda que não tenham sido apontados quaisquer motivos para a saída, fontes do TechCrunch afirmam que está relacionada com tensões com a liderança do Facebook.

Quando o Instagram foi adquirido em 2012, o Facebook assegurou que a rede social manteria a sua autonomia e as boas relações entre Zuckerberg e Systrom garantiram que a relação tenha permanecido estável durante os últimos. Ainda assim, colaboradores do círculo de Zuckerberg não tinham tão boas relações com a liderança do Instagram, o que acabou por resultar em confrontos cada vez mais frequentes.

A saída de colaboradores de peso do Instagram é um sinal disso mesmo, sobre do COO Marne Levine que foi integrado no Facebook. Em vez dele foi apontado ao cargo o vice-presidente do feed de publicações do Facebook e colaborador próximo de Mark Zuckerberg, Adam Mosseri, o que foi visto como uma tentativa de controlo do Instagram da parte do CEO.

Por enquanto tudo isto é especulação. Systrom e Krieger afirmaram que planeiam “tirar algum tempo para explorar novamente a curiosidade e criatividade” enquanto Zuckerberg elogiou os dois fundadores do Instagram, afirmando que “são líderes de produto extraordinários” e que a rede social “reflete os talentos criativos combinados”. (Tecnologia ao Minuto)

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.