Radio Calema
InicioMundoÁfricaPresidente da Tunísia promete eleições em Dezembro de 2019

Presidente da Tunísia promete eleições em Dezembro de 2019

O Presidente da Tunísia prometeu a realização de eleições em dezembro de 2019, numa entrevista transmitida na segunda-feira na televisão pública, durante a qual também anunciou o fim da aliança com o partido de base islâmica Ennahdha.

Após os pedidos de adiamento das eleições legislativas e presidenciais previstas para 2019, que podem redesenhar o mapa político na Tunísia, Beji Caid Essebsi assegurou que “as eleições serão realizadas a tempo, (…) em dezembro de 2019”.

Essebsi apelou a uma emenda constitucional, argumentandoj que a partilha de poder entre o Presidente e o primeiro-ministro não tem resultado, defendendo, contudo, que a emenda só deve entrar em vigor no próximo mandato.

“Desde a semana passada, decidimo-nos separar, a pedido do Ennahdha”, disse Caid Essebsi, num momento em que o aparelho de Estado está paralisado devido a uma luta fratricida dentro do seu partido.

O partido, Nidaa Tounès, que fundou em 2012 como uma frente contra os islamitas, acabou por fazer uma aliança com o Ennahdha após as eleições legislativas de 2014.

A aliança está agora enfraquecida por uma disputa de poder entre o primeiro-ministro Youssef Chahed e o filho do Presidente, Hafedh Caid Essebsi.

Os desentendimentos recentes entre Caid Essebsi, de 92 anos, e o Ennahdha respeitam ao apoio dado por este partido ao primeiro-ministro Chahed e sobre um projeto de lei defendido pelo Presidente que tem como objetivo garantir a igualdade de género em matérias relacionadas com heranças.

Ennahdha, agora o primeiro partido parlamentar, “quer continuar o acordo com o Governo liderado por Youssef Chahed. As relações entre Beji Caid Essebsi e Ennahdha estão cortadas”, disse o Presidente.

O atual conflito político preocupa os observadores internacionais, que temem que isso dificulte a organização das próximas eleições e os esforços urgentes necessários para lidar com uma profunda crise social. (Notícias ao Minuto)

por Lusa

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.