Radio Calema
InicioMundoAmérica do SulMaduro dá nacionalidade do país a 8.331 imigrantes e 'responde' a EUA

Maduro dá nacionalidade do país a 8.331 imigrantes e ‘responde’ a EUA

O Presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, assinou hoje um decreto que outorga a nacionalidade do país a 8.331 imigrantes e desafiou o seu homólogo norte-americano, Donald Trump, a fazer o mesmo com os originários da América Latina e das Caraíbas.

“Eu desafio o Governo dos Estados Unidos da América, proponho publicamente ao Governo dos Estados Unidos que legalize e assine um decreto estabelecendo os papéis e a legalidade de todos os latino-americanos e caribenhos”, disse Nicolás Maduro durante uma iniciativa com vários imigrantes.

Entre os novos cidadãos venezuelanos contam-se 5.781 colombianos da Associação Venezuelanos pela Paz e a Vida.

Nicolás Maduro precisou que a Venezuela recebeu “milhares” de pedidos de naturalização, entre eles 92 de Portugal, 390 do Peru, 357 da Síria, 253 do Haiti, 207 do Equador, 117 do Chile, 117 do Líbano, 56 da Itália e 63 da Espanha.

“Nós não estamos a gritar, nem a fazer barulho, dizendo que há (…) uma crise nos países de onde vêm os migrantes para a Venezuela, é o movimento humano”, declarou o chefe de Estado.

Dados divulgados recentemente pelas Nações Unidas dão conta de que mais de 2,3 milhões de venezuelanos residem actualmente no estrangeiro, muitos deles optaram por sair para escapar à crise político-económica que afecta o país. (Notícias ao Minuto)

por Lusa

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.