Radio Calema
InicioAngolaRegiõesHabitantes do Dondo beneficiam de consultas gratuitas

Habitantes do Dondo beneficiam de consultas gratuitas

Habitantes do Dondo, no município de Cambambe, província do Cuanza Norte, beneficiaram gratuitamente, na terça-feira, de consultas médicas e medicamentos, numa feira da saúde promovida pelo gabinete provincial da Saúde.

A feira da saúde promovida no âmbito do 25 de Setembro, Dia Nacional do Trabalhador da Saúde, teve como objectivo principal prestar assistência médica e medicamentosa à população.

No evento, que contou com a participação de oito dos dez municípios da província, foram realizadas, entre outras, consultas de ginecologia e obstetrícia, pediatria, ortopedia, medicina geral, fisioterapia, desparasitação, tensão arterial e testes voluntários de HIV/SIDA.

O certame contou ainda com a afluência massiva da população, alguns dos quais realizaram testes para o rastreio de várias doenças, tendo os pacientes com diagnóstico de malária recebido tratamento adequado.

Na ocasião, o administrador do município de Cambambe, Adão António Malungo, realçou a importância do evento, salientando que foi uma oportunidade para as autoridades locais obterem indicadores reais da saúde na municipalidade.

O responsável considerou, por outro lado, o trabalhador da saúde como uma figura que deve merecer o tributo dos cidadãos, pelo seu desempenho nos cuidados da saúde no seio oda mesma.

Reconheceu que, actualmente, muitos destes profissionais ainda continuam a trabalhar em condições inadequadas, mas deve prevalecer o sentimento humanista, dedicado à salvaguarda da vida humana, solicitando aos mesmos paciência e compreensão.

Considerou urgente a tomada de medidas para a inversão deste quadro, mas, até lá, os profissionais da saúde vão continuar a consentir sacrifícios, visando a preservação do bem-estar das populações.

No decurso das actividades foram ainda outorgadas medalhas e diplomas de mérito às instituições sanitárias da província e aos trabalhadores que se notabilizaram nos últimos 12 meses.

O evento foi testemunhado pela directora do gabinete provincial do Cuanza Norte da Saúde, Maria Filomena Wilson. (Angop)

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.