Radio Calema
InicioAngolaSociedadeCPJ quer jovens mais participativos nas acções do Governo

CPJ quer jovens mais participativos nas acções do Governo

A necessidade dos jovens na província do Cunene serem mais participativos nas políticas do Governo para juventude, no período 2018-2022, foi defendida hoje, segunda-feira, em Ondjiva, pela secretária do Conselho Provincial da Juventude (CPJ), Lúcia Yolene.

A responsável teceu essas considerações num encontro com os líderes juvenis, referindo que a juventude é garantia da continuidade de qualquer nação e deve ter em conta a sua responsabilidade no contexto da mudança que se almeja, contribuindo com o seu saber ai, onde for chamado.

O governo está atento as inúmeras necessidades que afecta os jovens, daí que nesse quinquénio 2018 -2022, muito será feito para assistência aos jovens dando continuidade das acções do Plano Nacional de Desenvolvimento da Juventude (PNADJ).

Lúcia Yolene fez saber que acções de apoio vão desde a formação académica, técnica profissional, apoio ao empreendedorismo juvenil, melhoria no acesso habitação e politicas facilitadoras para emprego.

A líder juvenil sublinhou que os jovens devem estar conscientes das suas obrigações e tudo fazerem para contribuir nos esforços do governo local.

O Conselho Provincial da Juventude congrega 32 associações juvenis. (Angop)

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.