Radio Calema
InicioDestaquesReino Unido e Angola afinam cooperação parlamentar

Reino Unido e Angola afinam cooperação parlamentar

O Reino Unido manifestou interesse de efectivar a cooperação com Angola no domínio parlamentar através de visitas regulares de deputados britânicos a Angola e vice-versa, para tratamento de assuntos de interesse comum.

A informação foi avançada esta quarta-feira, em Luanda, pela enviada especial da primeira-ministra britânica para o comércio e investimento, a baronesa Lindsay Northover, à saída de um encontro com o presidente do parlamento angolano, Fernando da Piedade Dias dos Santos.

Lindsay Northover, que cumpre uma visita de trabalho de cinco dias a Angola, lembrou que os deputados britânico já tiveram a oportunidade de visitar o parlamento angolano e gostaria que o inverso acontecesse. A intenção é reforçar a troca de experiências.

Disse ser importante que os deputados de outras nações trabalhem juntos porque há muitas questões a nível mundial como mudanças de clima, migração, entre outros, que precisam ser resolvidas com a união de todos.

A enviada especial da primeira-ministra britânica disse, também, ter abordado com o seu interlocutor, a necessidade de implementação de cursos de língua inglesa em Angola, através da organização britânica Internacional House representada no país.

“Sabemos da necessidade de Angola com o aprendizado da língua inglesa para o reforço das relações internacionais”, enfatizou Lindsay Northover, que manifestou-se satisfeita quanto ao interesse de Angola em juntar-se à Commonwealth of Nations (Comunidade das Nações) composta por 53 países membros.

Todas as nações membros dessa organização, com excepção de Moçambique e do Rwanda, faziam parte do império Britânico do qual se desenvolveram. (Angop)

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.