Portal de Angola
Informação ao minuto

Receitas em emolumentos baixam na província

Retrato de exploração de minerais. (Foto: Rosário dos Santos)

As receitas provenientes dos emolumentos de emissão de licença e credencial para exploração de recursos minerais baixaram, na província do Cunene, no período de Janeiro a Agosto deste ano, para 550 mil e 259 kwanzas, contra 1.416.882 kwanzas arrecadados no período homólogo.

A redução deveu-se a situação financeira que o país atravessa, disse hoje à Angop, em Ondjiva, o chefe de Departamento dos Recursos Minerais no Cunene, Hermenegildo Mário,

No período em análise foram explorados um total de 104.544 metros cúbicos de inertes entre areia e solos para o aterro.

Quanto a reposição das áreas exploradas, informou que o sector tem vindo a promover campanhas de sensibilização junto as empresas, no sentido destas, após abandonarem a mina, fazer a devida reposição ambiental.

Das 36 empresas existentes ligadas a produção de inertes na província, só cinco estão autorizadas a explorar inertes, sobretudo areia, pedras e brita, destinados a construção civil. (Angop)

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »