Radio Calema
InicioMundo LusófonoBrasilEleições: Brasil não aguenta mais um presidente fraco, diz Ciro Gomes

Eleições: Brasil não aguenta mais um presidente fraco, diz Ciro Gomes

O candidato do Partido Democrático Trabalhista (PDT) nas presidenciais brasileiras, Ciro Gomes, disse hoje que “o Brasil não suporta mais um presidente fraco, um presidente que tenha que consultar o seu mentor”, referindo-se ao Partido dos Trabalhadores (PT).

Ciro Gomes, em entrevista à plataforma noticiosa G1 e à rádio CBN, afirmou que o Brasil não necessita “de um presidente sem autoridade”, referindo-se a Fernando Haddad e à sua ligação com o ex-Presidente Lula da Silva.

Nas últimas sondagens, o candidato do PDT manteve as intenções de voto nos 11%, e viu Fernando Haddad (PT) ultrapassá-lo e isolar-se na segunda posição com 19%, atrás de Jair Bolsonaro que lidera a corrida presidencial com 28%.

Ciro criticou ainda o voto útil na 1ª volta, também conhecido como voto estratégico, dizendo que o eleitor deve optar pelo candidato “menos pior” apenas na 2ª volta das eleições.

Sobre uma declaração de Fernando Haddad, onde o candidato do PT afirmou que contava com o apoio de Ciro numa eventual 2ª volta, Ciro Gomes classificou-a como “inexperiência” ou “arrogância” por parte do susbtituto de Lula da Silva, segundo a plataforma G1.

Candidato à Presidência do Brasil pela terceira vez, Ciro Gomes disputa a eleição de 2018 com o plano de conquistar o eleitorado progressista mais acostumado a votar no Partido dos Trabalhadores (PT).

Ciro defende políticas sociais de inclusão e o regresso do investimento público para reavivar a economia do Brasil. (Notícias ao Minuto)

por Lusa

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.