Radio Calema
InicioDestaquesAgostinho Neto recebe título póstumo de Dr Honoris Causa

Agostinho Neto recebe título póstumo de Dr Honoris Causa

O primeiro Presidente da República de Angola e fundador da nação, António Agostinho Neto, vai receber a título póstumo o grau de Doutor Honoris Causa a ser outorgado dia 25 deste mês, em Luanda, pela Universidade Agostinho Neto (UAN).

A informação foi avançada hoje, quarta-feira à Angop, pela vice-reitora para área Científica e Pós-Graduação da UAN, Maria Baptista, tendo referido que o objectivo da iniciativa é reconhecer os feitos de António Agostinho Neto em prol da expansão do ensino superior no país, logo após a proclamação independência do país, alcançada a 11 de Novembro de 1975.

A atribuição do título, ressaltou, deve-se também a coragem e o sentido nacionalista e patriótico demonstrado por António Agostinho Neto numa altura difícil para o país.

Lembrou que o primeiro Presidente da República de Angola esteve empenhado na formação de quadros qualificados para ajudarem no processo de reconstrução e desenvolvimento do país.

“Logo após a independência de Angola, o país firmou parcerias de cooperação com outros estados para formação de quadros nacionais, devido ao esforço feito na altura pelo presidente Neto”, salientou.

A actividade, a decorrer no Centro de Conferências de Belas, vai contar com a participação de governantes, políticos, académicos, diplomatas, entre outras entidades nacionais e estrangeiras.

O título Honoris Causa (expressão em latim e usada actualmente como um título honorífico, que significa literalmente “por causa de honra”) é atribuído a pessoas mesmo que não tenham um curso universitário, mas no entanto tenham se destacado ou exercido grande influência em determinadas áreas como nas artes, literatura, ciências, política ou na promoção da paz.

Nascido aos 17 de Setembro de 1922, em Icolo e Bengo, António Agostinho Neto foi o primeiro Presidente de Angola, que proclamou a independência nacional a 11 de Novembro de 1975 e morreu no dia 10 de Setembro de 1979, por doença, na ex-União das Repúblicas Socialistas Soviéticas, actual Rússia. (Angop)

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.