Radio Calema
InicioCulturaMúsicaMúsicos de gerações distintas prestam tributo a Neto

Músicos de gerações distintas prestam tributo a Neto

Com um reportório de músicas e poemas extraído das obras literárias de Agostinho Neto, poetas e músicos da nova e velha guarda renderam homenagem nesta segunda-feira, em Luanda, numa gala em saudação ao herói nacional.

Acompanhados pelo agrupamento musical Banda Maravilha abriu a apetência auditiva o grupo coral Adoradores de Cristo com os temas “Agostinho Neto” e “A vida” bem como o declamar da poesia “O contratado” e “Adeus a hora da largada” na voz dos poetas Marcio Batalha e Ângelo Reis .

Esteve ainda presente nomes do music hall nacional, Toty Sá Med, Selda e Celso Mambo para interpretar temas como “Para enfeitar os seus cabelos” , “Meia noite na quitanda”, “Renuncia”, “Ngandala” e “Renuncia impossivel que animou ainda mais dezenas pessoas, que acorreram ao espaço para assistir a homenagem.

De forma a também prestigiar Neto, Mirol, Tabonta e Clara Monteiro subiram ao palco para interpretar temas como “A independência está chegando”, “Welele Neto”, Neto poeta” e “AngolaTropical”, que mereceram da plateia fortes aplausos.

O músico Mito Gaspar prestou o seu tributo ao interpretar temas como Havemos de voltar e Emê merecendo elogios do público.

Para o director nacional da cultura, Euclides da Lomba juntara a nova e velha geração porque Agostinho Neto sempre foi uma referência principalmente para os novos valores para a interpretação de tudo que é a verdadeira angolanidade.

Augura que actividades do género se realizem não apenas em datas comemorativas mas que se realizem uma serie de iniciativas para divulgar os feitos do herói nacional. (Angop)

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.