Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Sector eléctrico vai atingir sete mil Megawatts até 2022

O sector eléctrico do País pretende atingir sete mil megawatts até 2022, para satisfazer as necessidades do País em termos de fornecimento regular de energia, disse quinta-feira, em Saurimo, o presidente do conselho de administração da Prodel, José Neto.

Em declarações à imprensa, à margem do VIII Conselho Consultivo Alargado do Ministério da Energia e Água, realizado em Saurimo de 11 a 12, o responsavel disse que a meta será alcançada com conclusão de vários projectos hidroélectricos em curso e a implementação de novos.

Por outro lado, informou que fruto dos investimentos já realizados, o País registou um crescimento na produção de energia de três mil e 500 megawatts em 2016, para quarto mil e 600 MW agora.

Apesar deste aumento da produção, reconeheceu não ser suficiente para satisfazer as necessidades de todo o País, sobretudo a nivel da região leste.

Para minimizar a situação nesta região, integrada pelas provincias da Lunda Norte, Lunda Sul e Moxico, disse estar em curso a construção centrais térmicas, cujas capacidades variam entre os 20 a 30 megawatts.

Realçou que a Prodel, em colaboração com o Ministério da Energia e Água, está a trabalhar no sentido de atrair investimentos para explorar algumas fontes hídricas que existem na região e fazer a interligação do sistema norte e leste através de Capanda.

Para cidade de Saurimo, em particular, disse que até o próximo ano serão acrescentados mais 40 megawatts, fruto da conclusão de duas centrais termicas em construção nos bairros Txicumina e Nhama.

Disse estarem a trabalhar na recuperação da antiga central térmica do Txicumina , com a capacidade de 14 megawatts, cujos alguns grupos geradores encontram-se paralisados a cerca de dois anos.

Na mesma situação, encontram-se as centrais térmicas de Menongue (Cuando Cubango) Lubango (Huila) Luena (Moxico) Dundo (Lunda Norte) Benguela, Luanda e Odjiva (Cunene). (Angop)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »