Smiley face

Cuanza Norte: Governo reforça combate a malária

0 29

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

As autoridades sanitárias da província do Cuanza Norte promovem hoje, sexta-feira, a abertura de uma mega campanha provincial de combate a malária a ser marcada pela distribuição massiva e gratuita de mais de 68 mil redes mosquiteiros impregnados com inseticida.

A referida medida resulta do facto do paludismo continuar a representar a principal causa de morte e internamento hospitalar na província que registou 112 óbitos, num universo de 96.593 casos da doença diagnosticados de Janeiro à Junho do ano em curso.

Dados do gabinete provincial da Saúde a que a Angop teve acesso, quinta-feira apontam as crianças menores de cinco anos, com um universo de 39.945 casos e 70 óbitos, como sendo a faixa etária mais afectada pela enfermidade.

Visando inverter o actual quadro, o Gabinete Provincial da Saúde unido com vários parceiros sociais públicos e privados, desencadeia a partir de hoje, sexta-feira, uma mega campanha massiva de mobilização da sociedade sobre a importância do uso do mosquiteiro e a adopção de medidas de prevenção como principais vias de combate a malária e redução das mortes pela doença.

Na actividade serão igualmente distribuidos panflectos com informações sobre as causas, sintomas, consequências e métodos de prevenção da malária e a mesma decorrerá em simultânea nos dez municípios que compreendem a província do Cuanza Norte.

Cuanza Norte é uma província situada no estremo Oeste de Angola e a 190 quilómetros de Luanda (capital do país), a mesma compreende uma extensão territorial de 20.252 quilómetros quadrados que congregam 10 municípios, a maioria dos quais considerados endémicos ao paludismo pelo facto de estarem envoltos por vegetações densas, reservas hídricas e habitat favorável do mosquito, considerado o hospedeiro da malária. (Angop)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Translate »