Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Transladação dos restos mortais de “Ben Ben” concorre para unidade e reconciliação

A transladação dos restos mortais do general Arlindo Chenda Pena “Ben Ben”, da África do Sul para Angola, corresponde a vontade do Presidente da República, João Lourenço, de reconciliar a grande família angolana e reforçar a unidade nacional.

A afirmação é do ministro da Justiça e dos Direitos Humanos, Francisco Queiroz, quando discursava nesta quinta-feira, na cidade de Pretória, África do Sul, na cerimónia de transladação dos restos mortais do general Ben Ben, que faleceu naquele país há 20 anos, por doença.

Sublinhou que a transladação é um acto humanitário para com a família do malogrado general Ben Ben, especialmente a sua mãe, Judith Pena, com idade avançada, que manifestou o desejo de assistir ao funeral do filho na sua terra natal, em companhia dos seus familiares e num ambiente cultural e tradicional adequado.

Para as Forças Armadas Angolanas (FAA), destacou o ministro, o acto reveste-se de um grande significado militar, por se tratar de um camarada de armas que tombou por doença e que não teve as honras militares fúnebres correspondentes.

A quando da sua morte, em 1998, Angola se encontrava num contexto caracterizado por tensões, bloqueios e hostilidades entre filhos da mesma pátria, o que inviabilizou a transladação dos restos mortais do antigo chefe adjunto do Estado Maior das FAA, segundo o governante.

Explicou que o Presidente João Lourenço e a família do malogrado juntaram-se para o devido tributo.

Em nome do governo de Angola e da família do oficial superior, o ministro agradeceu ao governo da África do Sul e ao Presidente Ciryl Ramaphosa, pela pronta resposta a este desejo de humanidade, cujo gesto está em linha com os profundos laços de amizade que unem os dois povos. (Angop)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »