Radio Calema
InicioDestaquesRestos mortais de “Ben-Ben” chegam hoje a Luanda

Restos mortais de “Ben-Ben” chegam hoje a Luanda

Os restos mortais do antigo chefe do Estado-Maior adjunto das Forças Armadas Angolanas, Arlindo Chenda Pena “Ben-Ben”, falecido na África do Sul a 18 de Outubro de 1998, vítima de doença, chegam hoje a Luanda, depois de o Governo angolano ter solicitado a transladação.

De acordo com um comunicado do Governo a que a Angop teve acesso, o pedido de transladação dos restos mortais foi “prontamente correspondido”. Para o efeito, uma delegação governamental encabeçada pelo ministro da Justiça e dos Direitos Humanos, Francisco Queiroz, e integrada por oficiais generais das Forças Armadas Angolanas (FAA), tratou da transladação dos restos mortais de Ben-Ben.

“O Governo da República de Angola agradece às mais altas autoridades sul-africanas por terem criado todas as condições que facilitaram a realização da operação de transladação dos restos mortais do malogrado general, 20 anos depois do seu falecimento”, lê-se no comunicado do Executivo.

Segundo o diário “O País”, que cita um comunicado enviado pelos familiares de Ben Ben, a decisão de repatriar os restos mortais surgiu na sequência de um pedido do líder da UNITA, Isaías Samakuva, ao Presidente da República, João Lourenço, que, por sua vez, contactou o homólogo sul-africano, Cyril Ramaphosa, que deu “luz verde” à exumação. (Jornal de Angola/Portal de Angola)

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.