- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Ministérios Ministério da Energia e Águas Ministro quer empresas do sector energético a suportar custos

Ministro quer empresas do sector energético a suportar custos

As empresas energéticas ligadas ao Ministério da Energia e Águas devem dinamizar as suas acções para aumentarem as fontes de arrecadação de receitas, no sentido de suportarem os custos operacionais das instituições.

Essa recomendação foi feita quarta-feira, na cidade de Saurimo, província da Lunda Sul, pelo ministro da Energia e Águas, João Baptista Borges, quando discursava no encerramento do VIII Conselho Consultivo Alargado do sector que dirige.

Segundo o governante, o Estado angolano vai, nos próximos tempos, reduzir as verbas do Orçamento Geral do Estado (OGE) direccionadas para suportar os custos operacionais de produção, distribuição de energia eléctrica, principalmente das centrais térmicas, por isso devem procurar novas formas de arrecadação de receitas.

Sugeriu às empresas do sector eléctrico a instalarem contadores, para melhor controlarem o consumo, sensibilizar a população a pagar os serviços, efectuarem regularmente manutenção dos equipamentos, melhorar a qualidade do produto fornecido aos clientes, entre outras acções.

Fez saber que a medida em que a distribuição de energia vai aumentando no país, com a entrada em funcionamento de novos centros de produção, os custos operacionais vão igualmente ampliando, daí a necessidades das empresas terem a capacidade de dinamizar as fontes de arrecadação de receitas.

Lembrou que o Executivo suporta os custos de combustível, manutenção dos grupos geradores, entre outros encargos, que devem ser responsabilidade das empresas subsidiárias nos próximos anos.

O conselho consultivo alargado do Ministério da Energia e Águas teve início, terça-feira, em Saurimo, e decorreu sob o lema “O nosso desafio é melhorar o fornecimento e distribuição de energia e água”. (Angop)

- Publicidade -
- Publicidade -

Tadej Pogacar entrou na história da Volta a França em bicicleta

A Volta a França em bicicleta acabou no passado domingo 20 de Setembro com o triunfo de uma Nação, a Eslovénia, que conseguiu pôr...
- Publicidade -

Suíça: Educadora portuguesa acusada de maus tratos a crianças em creche

Uma portuguesa de 41 anos foi acusada de maus tratos na creche onde trabalhava na região de Lugano, na Suíça Italiana, anunciou o Ministério...

Trump diz na Assembleia Geral que a ONU deve ‘responsabilizar a China’ pela COVID-19

O presidente dos EUA, Donald Trump, disse à Assembleia Geral da ONU nesta terça-feira (22) que a China deve ser responsabilizada pelo mundo por...

Morreram 90 das 270 baleias encalhadas na Tasmânia

Morreram pelo menos 90 das 270 baleias que ficaram encalhadas numa área remota da Tasmânia, no sul da Austrália, e os especialistas receiam que...

Notícias relacionadas

Tadej Pogacar entrou na história da Volta a França em bicicleta

A Volta a França em bicicleta acabou no passado domingo 20 de Setembro com o triunfo de uma Nação, a Eslovénia, que conseguiu pôr...

Suíça: Educadora portuguesa acusada de maus tratos a crianças em creche

Uma portuguesa de 41 anos foi acusada de maus tratos na creche onde trabalhava na região de Lugano, na Suíça Italiana, anunciou o Ministério...

Trump diz na Assembleia Geral que a ONU deve ‘responsabilizar a China’ pela COVID-19

O presidente dos EUA, Donald Trump, disse à Assembleia Geral da ONU nesta terça-feira (22) que a China deve ser responsabilizada pelo mundo por...

Morreram 90 das 270 baleias encalhadas na Tasmânia

Morreram pelo menos 90 das 270 baleias que ficaram encalhadas numa área remota da Tasmânia, no sul da Austrália, e os especialistas receiam que...

África do Sul: Portuguesa morre no hospital após ser agredida em assalto na sua residência

Uma portuguesa de 63 anos foi violentamente agredida num assalto à mão armada à sua residência no norte do KwaZulu-Natal, África do Sul, acabando...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.