Radio Calema
InicioMundoÁfricaDiendéré acusado de mandante do golpe de Estado no Burkina Faso

Diendéré acusado de mandante do golpe de Estado no Burkina Faso

Um oficial do antigo Regimento da Segurança Presidencial (RSP) acusou o general Gilbert Diendéré de ser o “mandante” do golpe Estado frustrado de Setembro de 2015 no Burkina Faso.

É a primeira vez que um oficial cita o general Diendéré como o cérebro do golpe desde o início do julgamento, em Fevereiro passado.

“Foi golpe do general e de alguns oficiais refractários”, declarou no tribunal o tenente Aliou Ghislain Gorgo.

Segundo o oficial, os outros chefes militares foram comunicados após a acção ter sido praticada.

O tenente Aliou Ghislain Gorgo, de 33 anos, disse aos juízes que todos os oficiais superiores foram postos de fora da operação.

Eram 16h30, ou seja, duas horas após a detenção das autoridades do governo de transição, quando o general Gilbert Diendéré lhes explicou o que se passava no palácio presidencial.

Durante uma reunião de oficiais sob forte guarda, houve um facto incomum, o general pediu desculpas por não tê-los informado a tempo.

“Este tipo coisas não podem ser ditas a todo o mundo”, contou o tenente, citando o general Diendéré.

“A responsabilidade do golpe de Estado é imputável ao grupo refractário e ao general Gilbert Diendéré”, insistiu Aliou Ghislain Gorgo quando o procurador perguntou a quem o golpe de Estado seria imputável. (Angop)

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.