Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Moxico: Médicos solidários assistem mais de mil pacientes

Mil e cinquenta e cinco pacientes que padeciam de várias patologias nas áreas rurais do município sede (Moxico), foram assistidos de forma gratuita, desde o princípio deste ano, pela associação “Médicos solidários”, no âmbito da aproximação dos serviços de saúde básica à população necessitada.

Em declarações sábado, à Angop, a coordenadora do projecto de carácter filantrópico, Ilda Ukete, apontou que a malária, hipertensão arterial e a sarna, foram as enfermidades mais frequentes nas áreas atendidas no referido período.

Explicou que para o êxito da actividade a Associação conta com o auxílio dos médicos, enfermeiros, entre outros especialistas do hospital geral do Moxico (HGM).

Referiu que o gesto de caridade visa acudir a carência da assistência médica e medicamentosa da população das áreas beneficiadas, a julgar pelas inúmeras barreiras que enfrentam para se deslocarem às unidades sanitárias localizadas nas sedes municipais e na cidade do Luena.

A também psicóloga apontou que desde o inicio da actividade, a associação já realizou oito actos de assistência médica e medicamentosa, em vários bairros e aldeias, cuja continuidade da acção depende do apoio a receber das estruturas competentes e pessoas de boa fé.

Disse precisar apoios de todas forças vivas da sociedade, em transporte, bens de primeira necessidade, medicamentos essenciais, entre outros fármacos para permitir engrandecer a iniciativa.

Fez saber que a Associação funciona provisoriamente no HGM, mas necessita criar uma sede própria para poder programar e estender as suas acções humanitárias a maior número de pessoas que padecem de diversas patologias nas comunidades rurais desta região.

A médica convidou todas pessoas de boa fé a juntarem-se a causa, através de contribuições voluntarias, que visam minimizar as condições de vida daquelas pessoas que mais precisam para sua sobrevivência. (Angop)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »