Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Angola e Zâmbia efectivam acordo de isenção de vistos

As Repúblicas de Angola e da Zâmbia realizaram hoje (quinta-feira) o lançamento simbólico do acordo de isenção de vistos em passaportes ordinários, num acto realizado simultaneamente nos dois países.

Em Luanda, a cerimónia presidida pelo secretário de Estado do Interior, José Bamóquina Zau, contou com a presença do embaixador da Zâmbia, Lawrance Chalungumona, e dos secretários de Estado das Relações exteriores, Tete António, e do Turismo, José Alves Primo.

Ao tomar da Palavra, na sala de embarque do Aeroporto Internacional 4 de Fevereiro, o diplomata zambiano informou que o acto representa a abertura simbólica das portas nos dois sentidos, para uma relação mais estreita entre a Zâmbia e Angola.

Tendo adiantado que estão criadas, no seu país, as condições técnicas e humanas para a implementação do referido processo, que vai permitir aos zambianos e angolanos viajarem sem necessitarem de solicitar vistos de entrada.

Enquanto o secretário, José Bamóquina Zau, lembrou a importância das excelentes relações de cooperação entre os Ministérios do Interior dos dois países, que se estendem também ao acordo de extradição ou troca de prisioneiros e outras facilitações.

Para o secretário de Estado das Relações Exteriores, o passo dado hoje concorre para o facto dos países da região estarem a evoluir para uma zona de Comércio Livre.

“Concorre precisamente para que as fronteiras não sejam uma barreira, mas um caminho onde os povos se encontram, além de termos uma história muito rica de partilha desde a luta pela nossa independência”, frisou.

José Alves Primo lembra que como sector transversal, o turismo tem influência de vários sectores e por essa razão tem estado a trabalhar com todos os outros, para melhorar a oferta turística de Angola.

O acordo bilateral sobre isenção de vistos em passaportes ordinários, assinado em Maio último, aplica-se aos cidadãos nacionais dos dois países para gozo de férias, turismo, visita a familiares, negócios privados, bem como em visitas oficiais ou em trânsito.

Permite uma estadia no território visitado por um período de 30 dias prorrogáveis, não devendo exceder os 90 dias por ano. (Angop)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »