Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Angola e China negoceiam nova linha de crédito

O Governo angolano está a negociar uma linha de crédito com o Banco Industrial e Comercial da China (ICBC) no valor de 11,7 mil milhões de dólares norte-americanos, para projectos de infra-estruturas, anunciou o site de notícias CLBrief (Breves sobre China e Lusofonia), retomado no website oficial sobre o Fórum de Cooperação China-África (FOFAC), que decorre de 3 a 4 de Setembro.

O Governo angolano, de acordo com o sítio CLBrief, está ainda a negociar os termos para um empréstimo de 1,281.9 milhões de dólares, para pagar até 85 por cento do valor do contrato para a concepção, construção e acabamento do novo aeroporto internacional que está a ser erguido em Luanda.

O aeroporto está a ser construído a 30 quilómetros da cidade de Luanda por várias empresas chinesas, sendo o principal empreiteiro o CIF (Fundo Internacional da China). Através do banco estatal chinês, que apoia a importação e exportação do país (Exim Bank), Angola negoceia também um em-préstimo de cerca de 690.2 milhões de dólares, para a construção da marginal da Corimba (Luanda), do sistema de transporte de energia eléctrica do Luachimo, no valor de 760.4 milhões de dólares, e para a construção de uma academia naval em Kalunga, Porto Amboim (Cuanza-Sul), no valor de 1,1 mil milhões de dólares.

Segundo o site, a recente emissão de Eurobonds, no valor de 3 mil milhões de dólares, pelo Estado angolano este mês indica que a China é a fonte principal de “diversas facilidades de novos créditos” que as autoridades já estão a negociar.

Entre 2003 e 2017, dados do Governo angolano indicam que a dívida à China (dívida bilateral e com bancos comerciais chineses) passou de 4,7 mil milhões a 21,5 mil milhões de dólares.

Expectativas ao FOFAC

As autoridades chinesas estão expectantes com a cimeira do FOFAC deste ano, que deve contar com a presença dos principais Chefes de Estado do continente africano.
O ministro angolano das Relações Exteriores, Manuel Augusto, confirmou a presença do Presidente da República, João Lourenço.

A última Cimeira do Fó-rum de Cooperação China-África (FOFAC) aconteceu em 2015, em Joanesburgo (África do Sul), e culminou com a disponibilização de uma ajuda ao continente africano de cerca de 60 mil mi-lhões de euros. (Jornal de Angola)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »