- Publicidade-
InicioDestaquesBolsa de Valores regista queda acima de 24 biliões de kwanzas

Bolsa de Valores regista queda acima de 24 biliões de kwanzas

A Bolsa de Dívida e Valores de Angola (BODIVA) encerrou o mês de Julho com negócio de títulos avaliado em 58, 9 biliões de kwanzas, tendo registado uma queda acima de 24 biliões de kwanzas em relação ao mês de Junho.

A Bolsa de Dívida e Valores de Angola movimentou cerca de 58,9 biliões de kwanzas, com o mercado multilateral a negociar 42,8 biliões e o bilateral 16,1 biliões, de acordo com segundo o relatório mensal do Mercado Secundário de Dívida Pública, a que a Angop teve acesso nesta terça-feira.

No mês de Junho deste ano, a BODIVA encerrou as transacções com 82 biliões de kwanzas, sendo 20,2 biliões no bilateral e 62 biliões no multilateral.

Dados compilados indicam que entre os meses de Junho e Julho, as negociações na bolsa recuaram em mais de 24 biliões de kwanzas.

O Banco de Fomento Angola (BFA) mantém na liderança, desde o início do ano, com mais de 481 negócios realizados, seguido pelo Banco Angolano de Investimento (BAI) com 57 e o Standard Bank Angola (SBA) com nove.

No total, foram realizados 550 negócios em Julho, contra os 737 de Junho, tendo sido observado uma queda de 187 negócios

Entre Janeiro e Julho, a BODIVA já movimentou mais de 1500 negócios avaliados em 417, 4 mil milhões.

De acordo com o relatório, a BODIVA acredita que o registo das transacções no mercado regulador de valores mobiliários, ao dar a conhecer os termos dos negócios (preço e quantidade) efectuados, irá concorrer para o aumento da transparência e da confiança dos investidores.

Por outro lado, espera-se que o mesmo exercício concorra para formação de uma curva de preços para os activos nele registados, que deverão servir de referência para futuras transacções.

A Bolsa de Dívida e Valores de Angola, enquanto sociedade gestora de mercados regulamentados, tem por missão promover o desenvolvimento do mercado de valores mobiliários e derivados e, desse modo, contribuir decisivamente para o financiamento sustentado da economia de Angola. (Angop)

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.