- Publicidade-
InicioAngolaSociedadeSubchefe da polícia reage a assalto e é assassinado no Paraíso

Subchefe da polícia reage a assalto e é assassinado no Paraíso

O Serviço de Investigação Criminal (SIC) e a Policia de Ordem Pública estão à procura do autor do disparo que matou o 3º subchefe da Polícia Nacional que, ao ter reagido a um assalto no Paraíso, bairro do município de Cacuaco, foi assassinado.

Justino Custódio Chitanda foi morto durante uma tentativa de assalto na noite de sexta-feira, 20. Segundo informações da corporação, o 3º subchefe encontrava-se a gozar férias e estava a fazer serviço de táxi com um turismo quando foi abordado por elementos ainda desconhecidos pela polícia com a intenção de o assaltar.

De acordo com o director de comunicação do Ministério do Interior, intendente Mateus Rodrigues, Justino Chitanda estava colocado no Comando Geral da Policia Nacional em Luanda, no gabinete de comunicação institucional e imprensa, e terá reagido à abordagem dos meliantes, acabando atingido com um disparo de arma de fogo.

“A vítima estava a fazer serviço de táxi e nem sequer estava armada. O 3º subchefe foi abordado pelos meliantes e reagiu ao assalto, lutou para defender o dinheiro que fez durante o dia”, disse a mesma fonte, acrescentando que foi nesse momento que aconteceu o tiro que o vitimou.

“As autoridades policiais estão a fazer patrulhamento apeado, motorizado e com veículo para capturar, o mais rápido possíve, os causadores desta morte”, garantiu Mateus Rodrigues. (Novo Jornal Online)

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.