- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Mundo África Cidadãos guineenses exigem nova partilha de recursos petrolíferos com Senegal

Cidadãos guineenses exigem nova partilha de recursos petrolíferos com Senegal

Cidadãos guineenses lançaram um manifesto dirigido ao Presidente do país para propor uma nova partilha de recursos petrolíferos e haliêuticos que existem na zona de exploração conjunta com o Senegal, cujo acordo deve ser renegociado entre os dois Estados.

O grupo integra, entre outras personalidades da sociedade civil, o ex-chefe da diplomacia, João José `Huco´ Monteiro, o escritor Fernando Casimiro, o sociólogo Miguel de Barros e a activista cívica Francisca `Zinha´ Vaz.

Os signatários querem que o Presidente guineense, José Mário Vaz, ordene o adiamento do início das negociações com o Senegal e sobretudo, que seja firme nas próximas conversações, «visando um novo realismo percentual face ao exagerado desequilíbrio que caracterizou a divisão de ganhos sobre os recursos petrolíferos e haliêuticos da zona comum, no anterior acordo».

As negociações para o estabelecimento de um novo acordo de partilha dos recursos na zona de exploração marítima conjunta entre a Guiné-Bissau e o Senegal devem acontecer esta quarta-feira.

O anterior acordo, rubricado há 20 anos, não teve a renovação automática porque José Mário Vaz o denunciou em 2014.

Vários sectores guineenses contestam o facto de a Guiné-Bissau ter ficado com 15 por cento dos recursos petrolíferos que possam ser encontrados na zona, cabendo ao Senegal os restantes 85 por cento. (A Bola)

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.