- Publicidade-
InicioAngolaSociedadeMais de 50 bebés nascem de mães seropositivas na Lunda Sul

Mais de 50 bebés nascem de mães seropositivas na Lunda Sul

Cinquenta e três bebés nasceram de mães seropositivas na maternidade provincial da Lunda Sul, durante o I semestre do corrente ano, disse sexta-feira, em Saurimo, a directora em exercício da unidade sanitária, Filomena Crispim.

Em declarações à Angop, Filomena Crispim explicou que no período em referência, registaram 109 mães sero positivas que fazem a terapia antirretroviral, contra as 92 do igual período de 2017.

De acordo com a responsável, após o nascimento dos bebés estes recebem uma medicação para um período de 16 meses, posteriormente são encaminhadas para o Centro Materno Infantil, onde são acompanhadas com tratamento específico.

Aconselhou as mulheres no sentido de fazerem o uso de preservativo nas relações sexuais ocasionais, de modos a evitarem gravidezes indesejadas, assim como as infecções sexualmente transmissíveis.

Exortou igualmente as pacientes infectadas a cumprirem escrupulosamente com a medicação e as orientações médicas, sobretudo as gestantes, de formas que os filhos nasçam saudável e isentos do vírus.

No que toca as mortes maternas, a directora fez saber que a unidade registou 16 óbitos, tendo apontado a chegada tardia, malária e pré eclampsia e eclampsia, como sendo as principais causas.

Com apenas 25 camas para internamento, a maternidade funciona com 46 enfermeiros, sete médicos, sendo quatro ginecologistas e três clínico geral. (Angop)

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.