- Publicidade-
InicioMundo LusófonoPortugalHells Angels: Já são conhecidas as medidas de coação para os 58...

Hells Angels: Já são conhecidas as medidas de coação para os 58 detidos

Prisão preventiva para 39 dos 58 detidos. Os restantes 19 arguidos saem em liberdade.

O Tribunal de Instrução Criminal (TIC) anunciou hoje as medidas de coação para os 58 detidos em Portugal do grupo de motociclistas Hells Angels: 39 ficam em prisão preventiva e os restantes 19 saem em liberdade, mas com apresentações regulares às autoridades, avança a SIC Notícias. Dos 39 sujeitos à medida de coação mais gravosa, prisão preventiva, quatro ficaram em prisão domiciliária.

As medidas de coação definidas pela juíza de instrução criminal Maria Antónia Andrade foram conhecidas esta quarta-feira, perante a presença dos 58 arguidos, que estão detidos há uma semana em Portugal.

O processo envolve acusações de associação criminosa, tentativa de homicídio, roubo, ofensa à integridade física e tráfico de droga.

Existe ainda um outro arguido neste processo, que está detido na Alemanha.

O Ministério Público (MP) pedia a aplicação de prisão preventiva para 54 dos 58 detidos em Portugal, segundo um dos advogados de defesa.

No entanto, do grupo dos 54 detidos, quatro poderiam passar a prisão domiciliária, dependendo de um relatório dos serviços prisionais. Para os restantes quatro arguidos, o Ministério Público pedia apresentações diárias às autoridades.

A investigação do caso dos Hells Angels foi elaborada pelo Departamento Central de Investigação e Ação Penal e pela Unidade Nacional Contra-terrorismo da Polícia Judiciária e os mandados de busca e de detenção foram executados há uma semana.

Depois dos 58 arguidos terem sido identificados na noite de quinta-feira e durante a madrugada de sexta-feira, os interrogatórios demoraram três dias, tendo terminado no domingo no TIC.

A proposta de medidas de coação do Ministério Público e as alegações da defesa decorreram na segunda-feira e na terça-feira. (Notícias ao Minuto)
por Melissa Lopes

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.