- Publicidade-
InicioAngolaSociedadeFutebol: Jornalista das Edições Novembro sofre agressão

Futebol: Jornalista das Edições Novembro sofre agressão

O jornalista das Edições Novembro Arão Martins foi agredido quarta-feira, nesta cidade, pelos jogadores do Bravos do Maquis, por alegadamente ter fotografado um momento em que os profissionais contestavam uma decisão do arbitro do encontro, Feliciano Lucas, do Huambo.

O facto aconteceu já no final do jogo com o Clube Desportivo da Huíla, no qual a equipa da casa venceu por 1-0.

Em declarações à imprensa, o jornalista explicou que tudo começou quando alguns jogadores reclamavam uma decisão da arbitragem, tendo registado o acto com a sua objectiva, notando que final do jogo uma dúzia de jogadores da equipa maquizarde agrediram-no.

“Ao proteger a minha máquina fotográfica invadiram-me todos. Só sei que estava a sangrar por ter levado um soco do jogador Careca, que também recebeu o meu material e levou-o consigo para o balneário”, explicou.

Devolveram posteriormente a câmara fotográfica, mas sem o cartão de memória e a tampa da objectiva.

No final do jogo, em que o Maquis perdeu por 1-0, a equipa recolheu-se ao balneário e ninguém falou à imprensa.

Este é o primeiro caso de género que acontece desde a abertura do Campeonato Nacional de Futebol. (Angop)

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.