- Publicidade-
InicioMundo LusófonoBrasilEx-ministro Henrique Alves vira réu em ação na Justiça Federal

Ex-ministro Henrique Alves vira réu em ação na Justiça Federal

Político é acusado de ter feito transações financeiras, em 2014 e 2015, para encobrir suposta propina paga pela construtora Carioca

O juiz federal Vallisney Oliveira, da 10ª Vara Federal em Brasília, aceitou nesta quarta (4) denúncia do Ministério Público Federal contra o ex-deputado federal Henrique Eduardo Alves (MDB-RN) com acusação de crime de lavagem de dinheiro. Com a decisão, Alves é réu no processo.

Henrique Alves é acusado de ter feito transações financeiras, em 2014 e 2015, para encobrir suposta propina paga pela construtora Carioca, uma das responsáveis pela obra Porto Maravilha, no Rio de Janeiro. Os fatos foram investigados na Operação Sépsis, da Polícia Federal.

Leia também: Bolsonaro lidera cenários e Ciro passa à 2ª posição em nova pesquisa

Segundo o MPF, o ex-deputado realizou transferências em uma conta titularizada por uma offshore, da qual era beneficiário econômico, para outras contas sediadas em paraísos fiscais.

Alves foi detido em 2017. Em maio, o juiz do Tribunal Regional Federal sediado em Brasília, Ney Bello, tirou Henrique Alves da cadeia. O ex-parlamentar passou a cumprir prisão domiciliar e, entre as medidas cautelares que foram estabelecidas, estavam a entrega do passaporte à Justiça e a proibição de manter contato com outros investigados no processo.

O advogado de Alves, Marcelo Leal, informou que o recebimento da denúncia é um “ato meramente formal” antes da manifestação de defesa e que “Henrique é inocente é provará isso no curso do processo”. (Notícias ao Minuto BR)

Com informações da Folhapress.

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.