- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Mundo Lusófono Moçambique Julgamento de explosão de camião-cisterna que matou 115 pessoas começa em Moçambique

Julgamento de explosão de camião-cisterna que matou 115 pessoas começa em Moçambique

O Tribunal Judicial de Moatize, em Moçambique, começa esta quarta-feira a julgar o desvio de um camião cisterna com combustível, que acabou por explodir e matar 115 pessoas em Caphiridzange, centro do país, em novembro de 2016.

Em julgamento vão estar seis pessoas, entre as quais revendedores de combustíveis, disse à Lusa fonte ligada ao processo. Os residentes na aldeia queixam-se de haver pessoas envolvidas no caso que não vão responder perante a justiça, como referiram à Televisão de Moçambique.

Júlio Calengo, delegado provincial da Liga dos Direitos Humanos, em Tete (capital provincial), disse à rádio estatal acreditar que será feita justiça, incriminando os infratores. Um camião cisterna com combustível incendiou-se a 17 de novembro de 2016, em Caphiridzange, na sequência de um assalto coletivo, depois de ter sido desviado da estrada. O incidente provocou a morte a 115 pessoas e Moçambique esteve de luto nacional durante três dias. (Observador)

por Lusa

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.