Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Relíquia de um dos primeiros papas é achada no lixo

Os ossos de um dos primeiros papas da história pode ter sido encontrado em um local inesperado. A relíquia, que, de acordo com especialistas, possui valor inestimável, foi encontrada por funcionários de uma empresa de limpeza de Londres, e estava em um relicário de ouro, vidro e couro, junto com um pedaço de papel que dizia “Ex Oss. S. Clementis PM”, o que significa que o fragmento pertencia ao papa São Clemente.

O papa actuou como chefe da Igreja Católica entre 88 e 99 d.C, considerado um dos primeiros, acredita-se que ele tenha tido contacto com alguns dos apóstolos de Jesus, sendo bastante próximo de São Pedro, que foi o primeiro papa. Ele foi banido pelo imperador Trajano e condenado ao exílio, com trabalhos forçados em minas de cobre. Em 100 d.C, ele foi atirado ao mar com uma pedra amarrada ao pescoço. O corpo foi recuperado e sepultado em Quersoneso, na Crimeia e depois levado a Roma.

“Você pode imaginar nosso espanto quando nos demos conta que nossas equipes acharam um pedaço de osso que pertenceu a um papa”, conta James Rubin, dono da empresa de colecta. Historiadores questionam a autenticidade dos ossos, já que a prática de preservação só se tornou comum depois da morte de São Clemente.

A empresa de limpeza está investigando para decidir a que organização o objecto será entregue.

A companhia ainda está decidindo a que organização deve entregar o artefacto. Relíquias de santos passaram a ser populares na época da Idade Média. Fieis acreditavam que os objectos sagrados poderiam até realizar milagres.

“Sabemos que esta é uma parte importante da história e estamos ansiosos para encontrar o lugar mais adequado para o seu lugar de descanso final”, explica a companhia em um comunicado, que pede aos usuários que sugiram locais que recebam a relíquia. (Yahoo)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Translate »